Vamos falar pouco… mas bem! #DST

As doenças sexualmente transmissíveis.
Sou uma sortuda, nunca tive nada. Não sei se tenho sorte ou se sempre tive cuidado.
Mas desde que me lembro, faço um exame completo todos os anos, só para ter a certeza que tudo está ok comigo.

Mas há pouco tempo, recebi uma mensagem de um ex com uma notícia que preferia não receber.
« Fiz testes de DST e tenho clamídia , tens de fazer os exames para ver se não tens nada. »

clamídia é uma das doenças sexualmente transmissíveis mais frequentes em Portugal.
A infecção pode-se apanhar em relações não protegidas e através e sexo oral. É importantíssimo para as mulheres tratarem esta doença rapidamente, já que pode levar à infertilidade.

O tratamento é simple: um antibiótico para cada parceiro e para as pessoas que poderiam ter estado em contacto com a infecção. Em conclusão, nada de muito grave se for tratado a tempo. Daí a importância de se fazer rastreios.

Vives em Lisboa e gostavas de ter um rastreio grátis e anónimo?
Tens sorte, existe o Centro de Saúde da Lapa que é o único a propor este tipo de serviço em Portugal. As consultas são a partir das 8 horas todas as segundas e quartas-feiras. Só existem 10 vagas por dia portanto aconselho que cheguem um pouco antes das 8h.
O rastreio é totalmente gratuito e os médicos super profissionais.

Os resultados saem 2 semanas depois.

Mesmo se estão com o mesmo parceiro há muito tempo, estes exames também são importantes, pois muitos deles não apresentam sintomas.

Já lá fui, correu tudo bem, agora já estou descansada por não ter nada e sobretudo vim para casa com uma mão cheia de preservativos à pala!